O relaxe mental e físico.

Qual seria o ápice do gozo mental e físico?

O instrumento usado para chegar ao clímax é o sexo podendo ser tanto oral, anal, ser masturbação ou penetração…

Ele chegou ao bar, moreno, magro, sem muitos atrativos físicos, sentou-se ao meu lado e de repente puxou papo. Eu, indisposta e querendo ficar no meu canto, respondi com meias palavras encerrando o assunto. Não queria ser importunada, mas ele não contente volta a falar comigo:

-Você é muito linda!

-Obrigada.

-Gostei de você!

-Não gostei de você.

Quando achei que o assunto tinha encerrado, percebi em sua calça um volume atraente, mas era o VOLUME. Pensei:” um sexo agora poderia me relaxar.” E resolvi puxar novamente a conversa com ele. Ficamos por um tempo conversando, até que em determinado momento bem de leve passei a mão por todo aquele volume que estava na calça.

Quando dei por mim, já estava em uma casa abandonada dando que nem uma cadela para aquele moreno, eu de 4 e ele cavalgando em cima de sua puta, metendo aquela pica imensa no cuzinho da fêmea, eu gemia, implorava por mais pica e pedia para ele arregaçar meu cu. Quando notei, estávamos os dois gozados!

Relato, instagram e xvideos.

Oi meus amados, fãs e pessoas que conheceram o site hoje. Fico feliz por vocês gostarem e sempre voltarem…rs…

Fiquei uns dias em Araçatuba, revi alguns amigos e clientes, foi legal.  A partir de segunda-feira estou em Araraquara, não sei quantos dias fico por lá, talvez uns 3 dias a 1 semana. Então, quem é de Araraquara ou região aproveite para me conhecer….rs

O meu INSTAGRAM

/susiefontanna

O meu canal no XVIDEOS https://www.xvideos.com/profiles/susitransex

Araçatuba e Araraquara.

Quica, rebola e cai de boca na piroca…

Olá amores, estarei a partir de segunda feira em Araçatuba e no final de semana em Araraquara. Quem quiser me conhecer, entre em contato pelo fone/whats (18) 998062801.

 

O Jardineiro e A Lótus. (conto).

Aquele vidro estava embaçado com diversos vapores que vinham do box, era uma água quente para o casal, o suor do tesão que não tinha fim. O líquido daquele humilde “jardineiro” em jato na mais tenra e perfumada flor que se abria para o prazer.

As costas fortes do “jardineiro” recostadas no vidro cobriam a visão da pele de porcelana sendo “dourada” por muito líquido. Ali, acontecia algo inédito para ele: descobrir e sentir prazer em regar aquela entrada apertada, cobiçada e linda. Porém, Susie era muito mais que a amiga tarada e carinhosa, ela estava dando a ele uma nova forma de ver o sexo.

Ela oferecia conhecimento, companhia, ensinamento sobre coisas das quais ele não sabia, mas adorava aprender. Ela não exigia nada dele e mesmo assim se entregava de uma forma única. Aos poucos o vidro foi mostrando a foda daquele casal com os vapores extintos. Os olhos dele não saiam da pele dourada, antes porcelana da dominatrix.

Quem dominava a situação? A Domme ou seu aluno dedicado? Dominar começou a ter outro sentido para ele no momento em que constatava que ela estava totalmente entregue, verdadeira e autêntica. Dominar era algo que a excitava, mas deitar naquele peitoral e sentir o coração pulsando deixou a “Lótus” dentro do terreno do “jardineiro”.

Eles se permitiam experimentar todas as formas de prazer dentro do mundo de ambos os lados. Por diversas vezes um ia ao terreno do outro experimentando o que cada um podia oferecer…

O que ela quer? Pau!!! (Conto)

Existem putas e putas. Ter o prazer de sentir uma pica entrando em sua boca, no seu cuzinho, na sua buceta(caso tenha) e se deliciar são para poucas…rs…

Marcamos aquele tão esperado encontro. Veio me buscar em casa e fomos direto ao motel, disse que eu estava mais linda. Me deu um beijo de língua, senti meu corpo arrepiar. Passei de leve a mão em cima da calça dele e senti o volume, me deu água na boca.

Não me aguentava de vontade de chegar naquele motel. Quarto simples, mas o que importava? Era ele e aquela rola suculenta e cheia de leite! Paramos no estacionamento, já me ajoelhei e tirei a rola pra fora, comecei a mamar, sem se importar se alguém estivesse lá fora, tamanho era a vontade daquela pica na minha boca e no meu cu. Suguei tanto aquela piroca que ele quase gozou, parei, entramos no quarto e tanto meu corpo como o dele queimava de tanta excitação e vontade de foder.

Tiramos toda a roupa, nos beijamos, nossas línguas entrelaçadas novamente, com nossas mãos perscrutando cada parte do corpo do outro. Até que comecei a ficar molhadinha no meu cuzinho, meu cu clamava por rola. Me pus na cama de 4, rebolando meu rabo, puxei minha calcinha de lado e ele veio com a sua piroca , primeiro a cabecinha, depois todo o resto até quase entrar as bolas. Sentia aquele membro quente e cheio de veias dentro de mim. Batia em meu rabo, a medida que ia bombando, socando aquela piroca dentro do meu cuzinho que se abria para receber o pau. Eu rebolava que nem uma puta, mas não qualquer puta, mas sim uma puta que até na alma amava pírocas de diversos tamanhos e estruturas. Eu, uma vagabunda, vadia, sendo comida por um macho, cada vez mais me excitava, até quem dado momento, não aguentei e gozei, vi estrelas, gritei, estremeci. Logo em seguida, ele também teve o êxtase, tirou a sua pica do meu cu e gozou em cima dele, um leite quente, farto e branco…

PRÓXIMAS CIDADES…

Nesse mês de Junho estarei em Araçatuba, Araraquara e Bauru. Se vocês for ou estiver nessas cidades, entre em contato pelo fone-whats (18)998062801.

Eis que surge na porta aquela garota de olhos doces, misteriosos, com um misto de devassidão com ar angelical. Com alguns sonhos adolescentes e uma certa maturidade devido a inúmeras experiências vividas. Que sonha com um homem e ao mesmo tempo quer vários. Essa dualidade que existe nela que a deixa mais encantadora. Ela quer ser livre, quer ser amada, quer viver, quer pau e quer paz.

Me usa demais!

“Dobro os joelhos, quando você me pega, me amassa…. me usa demais. Perco as rédeas, quando você demora, devora… Desfaça assim de mim, que eu gosto e desgosto, me dobro, nem lhe cobro, rapaz. Ordene, não peça, muito me interessa a sua potência, seu calibre, seu gás…
Eu sou a navalha cortando na carne. Eu sou a boca que a língua invade, sou o desejo maldito, bendito, profano e covarde…”

MEU CANAL.

Oi amores, um bom dia à todos vocês. Estou feliz por ter voltado a postar aqui. Hoje, eu vou mostrar para vocês o meu meu canal do X-VÍDEOS. Lá , podem ver os meus vídeos, confira e comente lá e aqui, se possível. Ótima punheta…rs

https://www.xvideos.com/profiles/susitransex

.